sexta-feira, maio 12, 2006
Um caso da vida real

O que vos vou contar aconteceu no passado fim-de-semana na cidade de Pombal.
Eu e mais um grupo de pessoas, familiares e amigos, fomos dar um passeio e resolvemos lanchar em Pombal. Levámos o lanche de casa e decidimos fazer um piquenique por volta das 16.30h. Enquanto comíamos alguém do nosso grupo reparou que num banco de jardim perto de nós, um homem sentado e de ar abatido não tirava os olhos de nós e do nosso lanche. Concluímos de imediato que devia estar com fome. Era um homem de meia-idade, magro, com roupas bastante usadas e um pouco sujas, cabelo grisalho que a idade lhe tinha trazido, rugas no rosto criadas talvez pelas dificuldades da vida e quem sabe se pela solidão também e uns olhos azuis...de um azul vibrante da cor do céu... uns olhos que mostravam um ser frágil e sofrido...
Uma vez que tinhamos muita comida e a que restasse iria mais tarde para os cães abandonados (sim, que em minha casa a comida sobrante nunca vai para o lixo), resolvemos encher um prato com frango, bola de bacalhau e pão, uma taça com salada de fruta e juntar uma cerveja e alguém do grupo foi junto do homem e perguntou se queria comer, ao que prontamente respondeu:
- "Se o senhor me der, quero sim!"
Logo de imediato começou a comer e não vos consigo descrever fielmente a sua expressão... Os seus olhos azuis "saltitavam" entre a comida no prato e o nosso grupo, olhava para o prato ao mesmo tempo que mastigava e olhava para nós como se os seus olhos nos quisessem agradecer o brilho que subitamente os povou... E o sorriso? Talvez o sorriso mais genuíno que até hoje conheci...nunca pensei que fosse possível comer e sorrir ao mesmo tempo, mas é... Aquele homem devorava os alimentos com um sorriso estampado no rosto como eu nunca vi... era um sorriso de satisfação , de alegria e de consolo.
Naquele momento todos nós vimos e sentimos que naquela cidade e naquele jardim tocámos profundamente o coração e a alma de um homem e a intensidade do momento foi tal que muitos de nós (incluindo eu claro, não fosse eu um coração de manteiga) não conseguimos "segurar" algumas lágrimas... chorámos porque sentimos verdadeiramente o significado da palavra fome, aprendemos com o nosso gesto o que é um ser humano ter fome e encontrar alguém que momentaneamente lha "tira".
A expressão daquele homem nunca mais sairá da minha mente e do meu coração...
Isto é um caso de realidade nua e crua de muitas pessoas e que a nós nos "passa ao lado" porque não sabemos o que é...

 
Escrito por Hindy às 12:18 | Links to post |


23 Comments:


  • At 12 maio, 2006 12:54, Blogger badger

    Hindy

    Foi sem dúvida um gesto lindo!! Daqueles que de certo dá vontade de repetir, não?!
    Antigamente tinha por hábito colocar no lixo o resto da refeição, mesmo quando eu sabia que daria para umas duas novas refeições ainda!!
    Porém a vida permitiu-me conhecer uma pessoa muito importante que me ensinou mt coisa!!

    Hoje sou eu.... sou eu que reclamo sempre que alguem coloca comida no lixo!!

    Bom Fim de Semana!!

     
  • At 12 maio, 2006 13:12, Blogger Cruzeiro

    Infelizmente, esse homem é apenas uma gota num oceano de gente com fome, e que muito provavelmente no dia seguinte mais uma vez nada teria para comer...é triste a realidade em que muitos vivem, e mais triste ainda, é que ninguém faça nada para alterar isso...
    Beijinho

     
  • At 12 maio, 2006 13:33, Blogger Alien David Sousa

    Hindy, a tua história é comovente. Nós andamos tão centrados no nosso umbigo que parece que ficamos imunes a certas coisas. O vosso gesto foi muito bonito e provavelmente ofereceram ao senhor a primeira refeição em muitos dias.
    Um beijinho
    E FALTA SÓ 1 DIA :D

     
  • At 12 maio, 2006 14:04, Blogger Sanex

    Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

     
  • At 12 maio, 2006 14:14, Blogger Sanex

    Lindo gesto o teu,ñ consegui suster as lagrimas,entrei de tal forma na tua história,k senti k era eu a dar o prato de comer ao sr,e ele me devolvia um sorriso k valia td...
    Mil beijinhos...
    Tens um lindo coração...
    ****

     
  • At 12 maio, 2006 14:47, Blogger boleia

    sem duvida o sorriso é o melhor agradecimento que podemos ter...
    Ontem mesmo estava a almoçar no MacDonals e por lá andava um senhor a pedir trocos as pessoas, sem sucesso! veio ter comigo e falou num americano profundamente sulista e por isso não percebi nada logo à primeira senão fome e hamburguer. Levantei-me e fui com ele ao balcão para ele pedir o que quizesse! Pediu um menu de gente grande e um Happy Meal e no fim sorriu e deu-me o boneco dizendo: I have something for you to!
    E andei o resto do dia com um sorriso estampado na cara...

     
  • At 12 maio, 2006 15:43, Blogger _+*A Elite in Paris*+_

    Ola querida Hindy, que post mais lindo, emocionante e bem relatado!! adorei!!

    Ja tiveste num pais aonde a miseria corre nas ruas? como os paises abaixo equador?

    Aposto que terias ocasioes de chorar ainda mais e de sentires coisas fortes.

    Mas nao é preciso viajar para fazermos bem a alguém!

    Parabens pela tua nobre atitude.

    Beijos

     
  • At 12 maio, 2006 15:56, Blogger wind

    :)

     
  • At 12 maio, 2006 16:28, Anonymous Cris

    Foi um gesto muito bonito da vossa parte! Infelizmente nem todas as pessoas têm a vossa sensibilidade. Mas também é verdade que há muitos por aí que se aproveitam da boa vontade das pessoas para conseguir mais uns trocos e isso deixa-nos, por vezes desconfiados! É claro que não é o caso deste senhor, que segundo a tua descrição, sente na "pele" o que é ter fome.
    Um beijo. Bom fim de semana!

     
  • At 12 maio, 2006 18:21, Blogger Thiago Forrest Gump

    Já fiz algo parecido e sei realmente o que é que sentimos. :)



    Um abraço

     
  • At 12 maio, 2006 18:22, Blogger Thiago Forrest Gump

    Já fiz algo parecido e sei realmente o que é que sentimos. :)



    Um abraço

     
  • At 12 maio, 2006 20:39, Blogger anjoedemonio

    :))))))

    um excelente fim de semana!!!

     
  • At 12 maio, 2006 21:02, Blogger ≈♥ Nadir ♥≈

    Um gesto lindo :)
    Beijos e bom fim de semana

     
  • At 12 maio, 2006 22:40, Blogger 3za

    Comoveste-me com a história. Gesto de Amor verdadeiro. De carinho pelo outro. O mundo podia ser todo assim... Bj e bom fim de semana!

     
  • At 12 maio, 2006 22:54, Blogger de Matos

    Foi um gesto muito bonito da vossa parte, os meus parabens. eu quando vejo alguem assim tambem tento ajudar sempre, nao dou dinheiro, porque nao sei o que lhe fazem, mas comida dou sempre. temos que ser uns para os outros e ajudar os mais necessitados. um beijo e um bom fim de semana.

     
  • At 13 maio, 2006 00:39, Anonymous barbcel

    Parte-se-me o coração qd vejo alguém assim. Sendo crianças então... só não desato a chorar ali mesmo pq o outro lado desumano acharia-me louca. É tão triste ver uma criança sem alegria no olhar, pedindo esmolas ou algo para comer, qd o q devia estar a fazer era disfrutar a sua infância pq tem esse direito como todas as outras. Infelizmente, em Portugal, há muita gente a passar fome, crianças, jovens drogados, adultos q por ironia do destino ficaram sem nada, idosos... Quem olha por eles??? São estas crianças q hoje n têm nada q me preocupam, pq amanhã quem serão estas pessoas q nada tiveram a não ser miséria à sua volta?
    Também ajudo sempre que posso e foi lindo o vocês fizeram.

     
  • At 13 maio, 2006 12:43, Blogger SaltaPocinhas

    escrevi um comentário grande que se apagou não sei como (este bendito portátil, toco no rato sem querer)
    Eu tinha dito que ia brincar um bocadinho e que se isto fosse um filme americano o pobrezinho era afinal um milionario à procura de gente realmente boa a quem deixar a sua imensa fortuna, e tu estavas rica agora!!

     
  • At 13 maio, 2006 20:42, Blogger mitro

    O mais tocante, fi a vossa sensibilidade, que não apenas se condoeu, mas ez algo!
    E é no fazer algo que está a diferença.

    E lá disse Jesus: "Há mais felicidade em dar do que em receber!"

     
  • At 15 maio, 2006 16:13, Blogger papoilasaltitante

    Devemos sempre ser solidários!!! Lindo gesto o vosso!!!
    Bijocas

     
  • At 15 maio, 2006 17:50, Blogger Cerejinha

    Ao ler esta história lembrei-me de outra que acontecia sempre que os meus pais estavam fora, de férias ou fim-de-semana. Invariavelmente ficava em casa com a minha irmã e invariavelmente nos batia à porta um senhor, como o que descreves na tua história. Não queria dinheiro, queria apenas um sorriso e alguma comida. Davamos-lhe sempre do que tinhamos: pão, leite, fruta...o que houvesse.E saia com um sorriso no rosto. Não batia a mais porta nenhuma no prédio. Só na nossa. Parecia um anjo que vinha ver se estavamos bem na ausência dos pais.
    Já lá vai uns anos que não aparece...contudo lembro-me muitas vezes dele.
    Obrigada por partilhares esta história.

     
  • At 15 maio, 2006 22:28, Blogger MC

    Uma imagem pode-nos transmitir n sensações, mas esse despertar de sensações e sentimentos apenas foi possivel, porque ainda existem pessoas de coração bom, que olham para o lado e conseguem ver, sentir, que se preocupam e que fazem com que os outros tambem contem e isso tudo foi possivel graças a vocês e ao vosso "pequeno"(para vós) passo e atitude que fez com que fossem recompensados com a alegria, satifação e gratidão de outra pessoa.
    Beijinhos

     
  • At 28 maio, 2006 13:09, Blogger Rui @t Blog

    Obrigado, em meu nome e em nome dos que lhe ainda não agradeceram, por aquilo que fez.
    Da próxima vez, talvez até ele se junte a vós na vossa mesa, qual entre iguais.
    Mais uma vez, obrigado.

     
  • At 22 julho, 2006 16:47, Anonymous Anónimo

    I find some information here.